Buscar
  • Esporte Fino Store

Lugar de mulher também é na torcida

Com o Dia Internacional da Mulher se aproximando, muitas marcas e instituições têm se posicionado em relação às pautas femininas e demonstrado apoio à luta das mulheres pela conquista de direitos e, acima de tudo, respeito. A EFS, que tem como um dos objetivos incentivar os torcedores a manterem sua dedicação pelo time do coração, defende a ocupação dos espaços esportivos por mulheres e que, onde estiverem, sejam respeitadas.

A passos lentos, com muitos obstáculos pelo caminho, porém muita garra e persistência, o mundo dos esportes vem sendo cada vez mais ocupado por mulheres, tanto atletas como torcedoras. A maioria de nós sabe das dificuldades que as esportistas enfrentam e que seu esforço, desde sempre, deve ser dobrado para alcançar o mesmo reconhecimento que os homens, mesmo não havendo diferença de potencial entre ambos. Entretanto, um assunto até então menos comentado é o preconceito que ultrapassa os campos e as quadras e atinge as arquibancadas. Em um país onde a maioria da população é composta por nós, mulheres, era de se esperar que nas torcidas houvesse uma forte presença feminina. Segundo dados levantados por pesquisas no ano passado, 67,6 milhões de mulheres se declararam torcedoras de algum time de futebol, formando quase metade da torcida dos clubes brasileiros, um número bem expressivo.

É muito bonito ver que existem tantas torcedoras no Brasil, porém, infelizmente, muitas delas já relataram ter sofrido algum tipo de assédio ao assistirem jogos em estádio, além das consequências do incômodo que a presença feminina causa nesses locais, ainda mais quando estão sozinhas ou acompanhadas por outras mulheres. Se tornou comum serem questionadas sobre os namorados, os pais, os amigos, como se fosse improvável torcer pelo seu time desacompanhada de um homem. O que na verdade é improvável é uma mulher nunca ter sido questionada sobre o seu time ao se afirmar torcedora, como se fosse necessário citar a escalação de 10 anos atrás para provar que realmente acompanha e que não está ali para chamar atenção. Além disso, a participação nas partidas constantemente é vista de forma sexualizada, mulheres são exibidas em telões não como torcedoras - igual aos homens - mas como "musas da partida", "destaques de beleza", entre outras denominações utilizadas que acabam sendo, por vezes, desrespeitosas.

Apesar de todas essas situações desconfortáveis, a torcida feminina segue crescendo cada vez mais, oferecendo um apoio muito grande aos times. Por esse e outros motivos, é importante que haja respeito sempre e que todas nós tenhamos voz dentro desses grupos, poder de participação em decisões importantes e que nossos pontos de vista a respeito do que acontece no mundo desportivo sejam levados em consideração.

O amor pelos esportes não faz distinção de gênero, sabendo disso, a Esporte Fino Store declara total apoio especialmente a todas as mulheres que nasceram para torcer. Se você é apaixonada por esportes, saiba que seu lugar também é na torcida - e onde mais você quiser.



0 visualização

SEJA UM FRANQUEADO(A) EFS!

LEVE A EFS PARA SUA CIDADE E TENHA

A SUA "LOJA DE TODAS AS TORCIDAS"

© 2015-2020 EFS | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Rua Pioneiro Exaltino Pereira Boa Sorte, 1328 - Jd. São Clemente - Maringá, PR 87062-005
atendimento@esportefinostore.com.br -  Contato: (44) 4141-6115

  • INSTAGRAM EFS
  • FACEBOOK EFS
  • SPOTFY EFS